quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

CABRUCABILIDADE EM PARIS

O Instituto Chocolate parabeniza o casal de produtores Ronaldo e Cleide, Fazenda Conjunto Estrela Guia, de Itajuipe, pela classificação de suas amêndoas de cacau (fino e orgânico) ao Salão de Paris.
O que era um sonho se tornou realidade e o Programa CABRUCABILIDADE , monitorado pelos técnicos , pesquisadores e cientistas da CEPLAC se orgulham desta conquista e torcem que outros do grupo de 2018 alcancem este nível de qualidade em suas amêndoas.

..

...
.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

DIA DE CAMPO - 12 e 13/12/2018 - TÉCNICA DE PODA

http://expressaounica.blogspot.com/2018/12/prefeitura-de-itabuna-participa-de.html

EXPRESSÃO UNICA


Prefeitura de Itabuna participa de projeto com a Ceplac
















A Prefeitura Municipal de Itabuna, em parceria com a Ceplac e o Instituto do Chocolate através da Secretaria de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, participa de um projeto visando o aumento da produção de cacau no sul da Bahia.

O diretor Erlon Botelho, da Secretaria de Sustentabilidade Econômica, destaca que o projeto contem várias etapas, com uma meta de atingir 200 arrobas de produção por hectare. Neste sentido, aconteceu, nesta quinta-feira, 13, o curso “Dia de Campo” na fazenda Belo Horizonte dos agricultores Junior e Fernando Fontes, divisa com o município de Buerarema.

Produtores otimistas 
Para o cacauicultor, Fernando Fontes esse é um momento muito importante para o soerguimento da lavoura cacaueira, no aumento da produtividade do cacau, resgatando assim a autoestima do produtor. “A Ceplac e toda a equipe envolvida nesse projeto estão de parabéns”, destaca Fontes.  
Os trabalhos foram coordenados por Ivan Costa, Jaques Prado (Ceplac); Samuel Chaves (Instituto do Chocolate); Erlon Botelho e Cleumo Henrique (Departamento de Agricultura da Prefeitura de Itabuna).  












   

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

10/10/2018 - DIA DE CAMPO - AMÊNDOA DE QUALIDADE

FAZENDA SANTA ANA - ITACARÉ (BAHIA)

O Instituto Chocolate em parceria com a CEPLAC, com o objetivo de capacitar produtores de cacau da região para alcançar amêndoas de qualidade e concorrer no salão de Chocolate de  Paris 2019, através do projeto CABRUCABILIDADE, desenvolveu ações durante 1(um) ano com todo acompanhamento e gerenciamento de equipes da CEPLAC.
  No último dia 10 de Outubro de 2018 foi realizada mais uma etapa de treinamento com uma imersão na Fazenda Santa Ana, propriedade do Dr. Edgar Norbreck para que os produtores pudessem vivenciar a prática de um agricultor que já teve suas amêndoas premiadas. 
"O simples fato de termos produtores da nossa região e  particulamente do nosso grupo concorrendo no Salão de Paris já é um grande feito para a Bahia", afirmou Erlon Botelho do Instituto Chocolate.







sábado, 17 de fevereiro de 2018

Produtor recebe avaliação do Chocolate Vila Rica


No dia 16/02/2018, o produtor Antonio Meneses, inscrito no  Programa Cabrucabilidade, recebeu a avaliação do seu Chocolate Vila Rica da Chocolatier Dra. Neide Alice (CEPLAC). 



terça-feira, 30 de janeiro de 2018

FORMULÁRIO PARA PREENCHIMENTO

Caro Produtor

Dando andamento as nossas atividades, segue Formulário para preenchimento.

Pedimos que a entrega do mesmo seja feita pelos seguintes procedimentos:

Após preenchido que seja scanneado (digitalizado) e devolvido para o nosso email cabrucabilidade@gmail.com

ou pode ser entregue a um dos membros da Comissão da Coopercabruca

ou entregue a um dos membros do Instituto Chocolate.

Telefone para dúvidas (73) 99169-1498 (Erlon)

Atenciosamente

Direção IC


segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

CEPLAC E INSTITUTO CHOCOLATE PREPARAM PRODUTORES PARA MELHORAR QUALIDADE E PRODUTIVIDADE DO CACAU

Trinta e cinco produtores de cacau da região que integram o programa Cabrucabilidade, do Instituto Chocolate, participaram na sede regional da Ceplac, km 22 rod. Ilhéus/Itabuna, nesta quinta-feira, 25/01/18, de duas palestras ministradas por técnicos da Ceplac.

A primeira palestra foi sobre o tema produtividade do cacaueiro, apresentada pelo extensionista Ivan Costa e Souza, da Ceplac, que orienta grupos de produtores rurais a atingirem, através de técnicas de nutrição e polinização, alta produtividade do cacaueiro, com casos concretos de produtores que já ultrapassaram a barreira das 200 arrobas por hectare.


O extensionista, da Ceplac/Cenex, Ivan Costa Souza apresenta resultados em produtividade já alcançados nos grupos de produtores que ele orienta.

A seguir, a palestra foi sobre as características que o cacau precisa apresentar para ser transformado em chocolate de qualidade, proferida pela técnica da Ceplac Neyde Alice Pereira, responsável no Brasil pela área que orienta os produtores para a apresentação de amostras de cacau para o Salão de Chocolate de Paris. Neyde Alice falou também sobre classificação de cacau e as praticas de pós-colheita e fermentação que o produtor deve observar para atingir um cacau de qualidade.

Segundo Erlon Botelho, coordenador do Instituto Chocolate, “os produtores se mostraram bem impressionados com os resultados apresentados e bastante motivados para iniciar o trabalho de adequação de suas propriedades e aderir ao programa que visa a melhoria do cacau e o aumento da produtividade”.

Estas palestras fazem parte do primeiro encontro técnico preparativo dos produtores para alcançarem os benefícios do programa Cabrucabilidade, que é executado tecnicamente pela Ceplac, e visa capacitá-los a produzir cacau com sustentabilidade econômica, social, cultural e ambiental tendo como base nos princípios da Conservação Produtiva, princípios estes que vêm sendo testados pela pesquisa e extensão da Ceplac por cerca de 10 anos no projeto Barro Preto e resultou no Decreto da Cabruca.

O Decreto da Cabruca permite ao produtor solicitar ao Instituto do Meio Ambiente-INEMA autorização para realização do manejo das árvores que  sombreia o cacaual para adequar o conforto térmico e ambiental do cacaueiro e consequentemente aumentar sua produtividade e a rentabilidade do produtor.

IC-29/01/2018


quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

25/01/2018 - EVENTO CABRUCABILIDADE

CEPLAC E INSTITUTO CHOCOLATE PREPARAM PRODUTORES PARA MELHORAR QUALIDADE E PRODUTIVIDADE DO CACAU


Trinta e cinco produtores de cacau da região que estão participando do programa Cabrucabilidade, do Instituto Chocolate, estarão na sede regional da Ceplac, km 22 rod. Ilhéus/Itabuna, participando nesta quinta-feira, a partir das 8 horas da manhã, de três palestras ministradas por três técnicos da Ceplac.

A primeira palestra será sobre as características que o cacau precisa apresentar para ser transformado em chocolate de qualidade, a ser proferida pela técnica da Ceplac Neyde Alice Pereira, responsável no Brasil pela área que orienta os produtores para a apresentação de amostras de cacau para o Salão de Chocolate de Paris.

A segunda palestra será sobre classificação de cacau e as praticas de pós-colheita e fermentação que o produtor deve observar para atingir um cacau de qualidade, a ser proferida por Herbert  , técnico da área de classificação de cacau da Ceplac.

A terceira palestra será sobre produtividade do cacaueiro, proferida pelo extensionista Ivan Costa e Souza, da Ceplac, que orienta grupo de produtores rurais a atingirem, através de técnicas de nutrição e polinização, alta produtividade do cacaueiro, com casos concretos de produtores que já ultrapassaram a barreira das 200 arrobas por hectare de cacau.

Estas palestras fazem parte do primeiro encontro técnico preparativo dos produtores para alcançarem os benefícios do programa Cabrucabilidade, que visa capacitá-los a produzir cacau com sustentabilidade econômica, social e ambiental e tem base nos princípios da Conservação Produtiva, programa que foi testado pela pesquisa e extensão da Ceplac por mais de 10 anos no projeto Barro Preto e resultou no Decreto da Cabruca.

O Decreto da Cabruca permite ao produtor solicitar ao Instituto do Meio Ambiente-INEMA autorização para realização do manejo da mata que sombreia o cacaual para aumentar a produtividade do cacaueiro e a rentabilidade do produtor.